13 de fev de 2009

VIAGEM COMO TERAPIA

A mente humana não deixa de imaginar e realizar. Podemos fazer coisas tristes, grandiosas, divertidas. Nós podemos fazer o que quisermos! Basta optar pelo que for melhor para TODOS! Nunca para nós. O resultado final virá para nós, mas nunca se deixarmos de pensar nos outros. Você ajuda o outro para ter um mundo melhor para todos. Fazemos parte desse todo.

Quando melhoramos nós mesmos através de viagens, fazemos isso em busca de prazer. Mas há muito mais a se sugar desse espaço de tempo que tiramos para descansar nossa cabeça. Aliás, nossa cabeça não descansa; muda o foco, pois a mente nunca fica vazia. Podemos pensar em coisas menos interessantes, vagas, distraídas, mas a mente está lá registrando os instantes da vida. O essencial para manternos vivos e pulando está lá. Decifremos isso!

Li em um post na internet que devemos viver bem, não importa a situação em que nos ponha este mundo meio bom, meio ruim. E é isso! Quando tudo parece furado, nada é interessante, não se tem mais vontade de nada (sintomas de depressão!!!), todos são maus a sua volta, tudo dá errado, mexa-se e procure mudar sua vida. Eu já sugiro uma viagem porque não posso prescrever medicação. Aliás, quem quer ficar doente e se medicar? Procure mudar sua vida! Faça uma viagem! Mude de ambiente. Não há como fugir de problemas. Problemas devem ser resolvido o mais rápido possível. Na CARA! Na LATA! Na HORA! Depois vá relaxar pela vitória ou pela derrota. Mas vá relaxar em outro planeta. Saia do seu terrítório para sugar as energias do mundo e se fortalecer!

Quando você viaja para lugares onde a língua e os hábitos são diferentes, seu cérebro fica em alerta captando códigos que lhe mantêm vivo, decifrando palavras, caminhos, rostos, gestos, farejando novas comidas. Voltamos a um estado primitivo como se estivéssemos recomeçando. Ninguém nos conhece, não temos onde ficar, nosso próximo passo é decisão nossa. Isso quer dizer que devemos nos preparar para o novo o que é muito prazeroso e ocupa nossa cabeça por um bom tempo antes da realização. Daí começa sua terapia. Esta é sua pré-medicação. Organizar sua viagem.

Organizar uma viagem requer algo muito simples: ver quando serão suas férias.
Recomendo que se viaje no verão para a Europa, ou Africa. Falarei da Asia quando for para lá. Aqui em nossa America do Sul, viaje no outono. Você verá neve em nossos Andes e em muitos outros lugares. Não se preocupe.

Depois da decidir ir para algum lugar, pesquise custos para você ir SOZINHO porque o legal é você fazer a terapia só. Você já está se borrando? Tá com medo? Eu também fiquei co medo, vá. Mas foi maravilhoso.

Para você saber quanto vai gastar por dia, pense em comida, estadia, diversão e transporte.

Faça sempre um cálculo de U$60,00/dia para a América do Norte e Europa. O leste Europeu será um pouco mais em conta, mas mantenha o valor. Já a Africa e a América Central e do Sul poderá ter um cálculo mais baixo: U$40,00/dia. Até menos. A Oceania e a Asia, tem muito a ver com a passagem para ir até lá: aproximadamente, U$ 4000,00 ou mais. Mas tudo depende de seus objetivos. Você quer ir? Junte dinheiro e vá! Lembre-se de que a vida é curta e devemos realizar nossa vontades saudáveis.



Agora que você já tem idéia de quanto vai sair sua viagem para "a França", vá em uma biblioteca ou na livraria e bisbilhote guias. Se gostou dele, compre-o. Se não tem dinheiro,peça emprestado a um conhecido. Se não tem um conhecido, vá a uma bilbioteca, ou na internet, senão vá a m.....! Aí já é demais!

No próximo post vamos preparar juntos nossa terapeutica viagem para a França!!!

Sugiro um tratamento de um mês, de norte a sul, com paradas em adegas, visita ao Mont Saint Michel, Saint Malo, Strasbourg, Caen, Carcassone, St. Tropez, Limoges, Nantes, Paris, claro, e muito mais!!!

A tout a l'heure!


V for Verônica

Nenhum comentário:

Postar um comentário